quarta-feira, 31 de outubro de 2012

O coração às vezes é tão profano...

De repente me deu esta louca vontade de estar com você
Dar um ponto final e tornar natural meu viver por viver
Esquecer de uma vez quem está com a razão
E matar a vontade do meu coraçã.

Nenhum comentário: